Novos grupos geradores com motor eletrônico: tudo o que você precisa saber

Novos grupos geradores com motor eletrônico: tudo o que você precisa saber

Com a crise hídrica e a crescente demanda por energia segura, nunca foi tão urgente a necessidade de investir em um gerador de energia para qualquer tipo de negócio.

Nesse contexto, a Cummins Brasil, nos presenteando no seu aniversário de 50 anos no país, lançou recentemente, uma nova família de grupos geradores produzidos em Guarulhos (SP), com a promessa de melhorias na densidade de potência nas categorias entre 300 kW e 400 kW.

O grande diferencial dos novos modelos, é o motor eletrônico, que substituiu o propulsor mecânico da geração anterior.

E nasce um novo conceito em geradores

O projeto de desenvolvimento do novo motor, iniciado em fevereiro de 2020, foi produzido 100% online, numa nova concepção, em que o time brasileiro e o chinês interagiram durante todo o processo.

O motor, que é mais silencioso, é produzido na planta da Beijing Foton Cummins Engine em Pequim, e os geradores, em Guarulhos, SP.
Grandes novidades do novo gerador que você nem imagina

  • Entre as novidades da linha Cummins está o novo alternador STAMFORD® S-Range, que melhora a eficiência da máquina para atender as principais faixas de potência do mercado.
  • Todo o conjunto foi projetado e testado para altas temperaturas ambientes, simplificando, inclusive, os requisitos de projeto da instalação para eliminação do calor rejeitado.
  • Com versatilidade para aplicações estacionárias em regimes de Emergência (Standby) e Prime (horários de ponta), os modelos C350D6B e C400D6B têm potência de, respectivamente, 350 KW e 400 KW em Standby.
  • Melhor relação de potência versus consumo de combustível, havendo um ganho de 9% em eficiência energética em relação à geração anterior, enquanto o consumo foi reduzido em 6%.
  • Turboalimentado e pós-arrefecido, o novo motor de 11,8 litros de cilindrada, 24 válvulas e 6 cilindros, tem sistema com injeção de combustível XPI (Common Rail), uma solução padrão Cummins que garante alta performance do produto, além das opções de controladores Cummins (Power Command 2.3 & 3.3) que fornece integração total do grupo gerador, incluindo partida e parada remota automáticas, exibição de alarmes e, mensagem de status, paralemismo e muito mais.
  • Desenvolvido de acordo com os mais altos padrões globais de engenharia da Cummins, os novos geradores têm um novo coração, como é chamado o conjunto motor, radiador e filtros de ar, e também um novo alternador.
  • Com o novo motor, pacote de resfriamento, alternador, conjunto de sistema de filtragem de combustível e atendimento às normas (ISO 8528 e locais), o novo produto foi desenvolvido para atender todas as aplicações do mercado, independentemente do tipo de condição, desde as mais simples até as mais severas, mantendo a alta performance.

 

  • Os novos geradores têm garantia padrão de 2 anos para aplicações Standby (1.000 horas) ou de 1 ano para Prime, contando com o suporte dos distribuidores autorizados Cummins, presentes em todo território nacional.

E não para por aí: veja os depoimentos de profissionais envolvidos no processo

“O projeto QSG12 tem um peso e uma importância muito grande para o negócio de geradores no Brasil”, comenta Glauco Leite, engenheiro de Manufatura da Cummins Power Generation.

“O novo motor é uma evolução do NTA855, com a vantagem de ser menor, mais compacto e potente e, consequentemente, mais econômico e com menor emissões. Será um substituto à altura do seu antecessor, sucesso de mercado no Brasil por décadas”, completa Leite.

“Este foi um projeto muito especial e ao mesmo tempo desafiador por causa das dificuldades decorrentes da pandemia da Covid-19”, comenta Daiane Suzuki, gerente de projetos da empresa.

“O importante é que após vários meses de resiliência, trabalho duro, dedicação, superação e engajamento de várias pessoas, conseguimos trazer aos nossos clientes um produto mais avançado, robusto e de alta performance, mantendo os padrões de excelência da companhia”, finaliza Suzuki.

De acordo com Kyn Barbosa, engenheira de aplicações da Cummins Power Generation, o intervalo de manutenção dos novos geradores é o dobro dos modelos com motor mecânico – 500 horas ou 12 meses ante as 250 horas ou seis meses.

“Graças às inovações implementadas, a partir das inovações de todo esse sistema, o limite de temperatura ambiente, ou LAT, na sigla em inglês, chega a 50º C”, destaca Kyn.

Estou feliz por fazer parte desta importante conquista da Cummins”, comenta Danilo Teixeira, engenheiro de produto da Cummins Power Generation.

“Em meio a um cenário global novo, no qual precisamos nos reinventar com novos métodos de comunicação e desenvolvimento para manter a qualidade e a inovação, conseguimos trazer aos clientes este novo produto que atende os requisitos específicos de nosso mercado, com mais tecnologia e maior eficiência. É sem dúvida mais um marco para Cummins”, afirma.

Segundo David Sato, supervisor de Marketing de Produto da Cummins Power Generation para América Latina, “a tendência downsizing dos motores Cummins com alta densidade de potência está prevista ainda para outros lançamentos da nossa marca que irão ocorrer nos próximos meses”, conclui.

Com o lançamento da nova família de geradores com motor eletrônico, a Cummins pretende conquistar novos clientes no País e na região da América Latina, atendendo aos mais diferentes segmentos industriais, de serviço e da área de saúde do mercado brasileiro, como data center, hospital, indústria e construção, entre outros.

E então, se interessou pelo assunto? Faça contato com nosso time de especialistas e conheça essa novidade, que está encantando o mercado. E não deixe de compartilhar o artigo em suas redes sociais!

Compartilhar este post

Fique por dentro das nossas novidades. Assine nossa newsletter.